URGENTE: Câmara de Bayeux cassa mandato de Luiz Antônio

A Câmara Municipal de Bayeux cassou, na noite desta quarta-feira (04), o mandato do vice-prefeito afastado de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB). Doze vereadores devem votaram pela cassação do ex-gestor e cinco contra. A votação

Com o resultado, Luiz Antônio perdeu o mandato definitivamente, abrindo espaço para o atual prefeito interino Mauri Batista continuar no comando da prefeitura, sem o risco de Luiz Antônio voltar ao cargo. O entendimento entre os vereadores é que não havia mais clima para o troca-troca de prefeitos no comando da cidade.

Votaram pela cassação de Luiz Antônio os vereadores Cabo Rubem, Luciene de Fofinho, Lico, Jefferson Kita, Zé Baixinho, Dedeta, Netinho, Adriano do Táxi, Uedson Orelha, Danyelle Caetano, França e Guedes da informática (Podemos), atingindo 12 votos, que é a quantidade mínima exigida para que haja a cassação. Votaram contra a cassação os vereadores Adriano Martins, Inaldo, Josauro, Betinho e Roni.

Afastamento

Luiz Antônio já tinha sido afastado do cargo de prefeito na quarta-feira (21), com base em decisão do desembargador Arnóbio Alves Teodósio, do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB).  Desde então a cidade é governada de forma interina pelo presidente da Câmara, vereador Mauri Batista (PSL). Com a decisão de hoje, Luiz Antônio perde o mandato definitivamente.

As acusações

Luiz Antônio foi filmado, em julho do ano passado, supostamente solicitando propina ao empresário Ramon Acioly, a fim de usar  o dinheiro para divulgar um material comprometedor contra o então prefeito da cidade, Berg Lima. O vídeo da conversa foi divulgado pela imprensa no mês de outubro.

Mais Bayeux com Polêmica Paraíba