Paraíba pode ter recorde de mortes por Covid-19 confirmadas no intervalo de 24 horas, diz SES

A Paraíba pode bater nesta quarta-feira (10), o recorde de confirmação de mortes causadas pela Covid-19, no intervalo de 24 horas, desde o início da pandemia. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (SES), desde o último boletim epidemiológico divulgado na tarde da terça-feira (9), 42 novos óbitos causados pela doença foram notificados no estado.

Como os dados do boletim que será divulgado nesta quarta ainda não foram completamente levantados, a SES não sabe precisar se todas as 42 mortes aconteceram em 24 horas.

O número de óbitos é semelhante aos que foram registrados no pico da pandemia, no ano passado. “Estamos vivenciando há vários dias o pior cenário no estado da Paraíba desde o início da pandemia”, destacou o secretário estadual de saúde, Geraldo Medeiros.

Em 30 de junho de 2020, foram divulgadas 46 mortes, maior quantidade divulgado em um só dia. Os óbitos, no entanto, ocorreram em várias datas.

Já nos dias 26 de abril e 4 de junho, pelo menos 41 morreram em decorrência da doença.

De acordo com o secretário de saúde, a situação epidemiológica da Paraíba se agravou devido ao grande número de aglomerações, registradas especialmente durante o caranaval.

Em entrevista ao JPB1, Geraldo apelou para que os paraibanos cumpram as medidas restritivas impostas no novo decreto estadual. Segundo ele, se as normas de prevenção não forem cumpridas, a Paraíba viver uma situação semelhante a Manaus, com o colapso da saúde.
 
Mais Bayeux com G1