Governo do Estado prorroga decreto que mantém comércio fechado em cidades com casos confirmados da Covid-19

O governador João Azevêdo (Cidadania) prorrogou, até o dia 19 de abril, o decreto que proíbe o funcionamento de estabelecimentos nas cidades e regiões onde há casos confirmados da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Até este sábado (04), a Paraíba registou casos em João Pessoa, Cabedelo, Campina Grande, Junco do Seridó, Serra Branca, Patos, Igaracy e Sousa.

Pelo o decreto, permanecem fechados: academias, ginásios, centros esportivos púbicos e privados, shoppings, centros e galerias comerciais, bares, restaurantes, casas de festas, casas noturnas, boates e atividades comerciais não essenciais.

A medida também se estende aos cinemas, teatros, circos, parques de diversão e embarcações turísticas de esporte e lazer em todo o Litoral paraibano que devem manter suas atividades suspensas até o dia 19 de abril.

O decreto ainda libera, com restrições, o funcionamento de estabelecimentos que comercializem material elétrico, que deverão disponibilizar exclusivamente, produtos necessários à realização de serviços urgentes, por meio de entrega em domicílio e/ou como ponto de retirada de mercadorias, ficando proibida a aglomeração de pessoas. Também fica permitida a abertura de instituições e organizações responsáveis pela operacionalização de programas de microcrédito a partir do dia 6 de abril.

 

Fonte: Mais PB

Créditos Foto: Reprodução

Deixe uma resposta