Projeto que busca alfabetizar 100% das crianças da PB na idade certa é lançado pelo governo

O projeto ‘Integra Educação PB’, que busca alfabetizar 100% das crianças paraibanas na idade certa, foi lançado nesta segunda-feira (12), pelo Governo da Paraíba. O programa deve implantar escolas de tempo integral nos municípios.

Segundo o anúncio do governador João Azevêdo (Cidadania), transmitido nas redes sociais, o objetivo é tornar a Paraíba o estado brasileiro com o maior número percentual de escolas de tempo integral, com a meta de colocar uma escola integral por município.

Os convênios que serão feitos entre governo e estado terão metas de aprendizagem e de ensino, segundo o governador. As metas do Integra Educação PB são:

  • Melhorar em dez anos as taxas de aprendizagem no Ensino Fundamental;
  • Reduzir os índices de abandono e reprovação (atingir 1% de evasão escolar);
  • Assegurar equidade na Educação;
  • Cumprimento dos direitos de aprendizagem em toda a Paraíba.

Além disso, 100% das equipes gestoras das escolas deverão ter domínio conceitual e operacional dos instrumentos de gestão, com foco na eficiência da gestão e em práticas pedagógicas. As ações que serão feitas no programa:

  • Sequências didáticas com foco na alfabetização;
  • Avaliação em larga escala para os municípios paraibanos;
  • Sistema online de gestão de dados escolares (caderneta online);
  • Consultoria para implantação de escolas em tempo integral, nos moldes da bem-sucedida nacionalmente Escola Cidadã Integral;
  • Formação continuada em gestão pedagógica, gestão escolar e protagonismo infanto-juvenil para todos os professores;
  • Criação do Painel de Alfabetização da Paraíba, consolidando estudante a estudante as habilidades aprendidas ao longo do bimestre;
 

O ensino básico é de responsabilidade dos municípios e, segundo o governador, é preciso fazer que “todos os níveis de governo, municipal e estadual, estejam em um único patamar, e no patamar mais alto que for possível, na melhoria da qualidade de ensino, nas condições de trabalho, na preparação e capacitação de todo o corpo de professores que temos em todas as redes”.

Serão 12 mil professores integrados no programa e 200 mil estudantes beneficiados nos níveis infantil e fundamental. Em 2021 serão implantados:

  • 25 novas escolas
  • 36 escolas com obras ampliação e reforma
  • 28 novos ginásios
  • 9 novos conjuntos de laboratórios em escolas estaduais

O projeto do programa foi assinado nesta segunda-feira (12) no Palácio da Redenção, em João Pessoa, e encaminhado para a Assembleia Legislativa da Paraíba para aprovação. Um termo de parceria de resultados, e outro de parceria com os municípios, também foram assinados pelo secretário de educação do estado, Cláudio Furtado, e o presidente da Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), George Coelho.

Mais Bayeux com G1