No dia mundial do doador de sangue, Luciene Gomes faz doação e fala da importância: “ato de muita nobreza e amor”

A prefeita de Bayeux, Luciene Gomes (PDT), esteve nesta segunda-feira (14) no hemocentro de João Pessoa para fazer doação de sangue.

Hoje é o dia mundial do doador de sangue e a prefeita aproveitou para falar da importância de ser um doador.

“Você sabia que o ato de doar sangue não dói, não deixa marcas, não afeta a saúde do doador e é simples, rápido e salva muitas vidas? Não precisa ter medo, é um ato de muita nobreza e amor”, disse.

Luciene disse que não poderia ficar de fora da campanha e fez sua parte para ajudar a salvar vidas.

“Doar Sangue é uma possibilidade para enfatizar mais uma vez por que é essencial que a doação seja altruísta e que haja doadores regulares para garantir a provisão de sangue seguro para todos os pacientes que precisam de transfusões”, completou.

Requisitos para fazer a doação:

– Pesar mais de 50kg;
– Ter entre 16 e 69 anos;
– Está bem de saúde;
– Dormir bem na noite anterior à doação;
– Se alimentar bem antes de ir doar (evitar apenas comidas gordurosas);
– Bebida alcoólica só após 24h;
– Tatuagem: um ano após o procedimento;
– Se teve covid, aguardar 30 dias após a completa recuperação;
– Se tomou Vacina Coronavac: aguardar 48h após cada dose. No caso da Astrazeneca ou Pfizer: aguardar 7 dias após cada dose;
– Se fez cirurgia: aguardar de 6 meses há um ano;
– Aborto: após 3 meses;
– Anticoncepcional e menstruação não impedem a doação (exceto se o fluxo for excessivo).