IRREGULARIDADES: TCE reprova contas de 2014 do Instituto de Previdência de Bayeux

Sob relatoria do conselheiro substituto Antônio Cláudio Silva Santos, o processo de prestação de contas do Instituto de Previdência Municipal de Bayeux, exercício 2014, foi julgado irregular. O relator destacou como principal fato negativo a realização de despesas acima do permitido pela lei, ou seja sem autorização legislativa.

O julgamento aconteceu nesta terça-feira (10). O Mais Bayeux deve trazer mais informações sobre o assunto em breve.

Mais Bayeux