Campina Grande vacina pessoas de grupos prioritários que ainda não receberam 1ª dose neste sábado

Neste sábado (29) Campina Grande vacina pessoas de grupos prioritários que ainda não receberam a primeira dose do imunizante contra a Covid-19. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a ação acontece das 8h às 12h, em quatro locais diferentes.

A vacinação acontece nas igrejas Renascer (no bairro Dinamérica), Assembleia de Deus (bairro Cuités) e Presbiteriana (no São José), além da faculdade Uninassau (na Liberdade).

Podem se vacinar pessoas a partir de 18 anos com comorbidades, autistas, deficientes permanentes beneficiários do BPC, idosos a partir de 60 anos, grávidas e puérperas com comorbidades, pessoas com Síndrome de Down e paralisia cerebral.

É necessário realizar um cadastro e agendamento prévio no site disponibilizado pela prefeitura. Aqueles que não conseguirem podem se dirigir ao ponto de vacinação, onde uma equipe de apoio estará disponível para prestar auxílio.

Comorbidades

Possuem direito à vacinação pessoas com doenças cerebrovasculares, como as com histórico de acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico; ataque isquêmico transitório; demência vascular; doenças neurológicas crônicas que impactem na função respiratória, indivíduos com paralisia cerebral, esclerose múltipla, e condições similares; doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular e deficiência neurológica grave.

Também podem se vacinar direito pessoas com diabetes, hipertensão arterial (hipertensão arterial resistente, estágio 3 e estágio 1 e 2 com lesão órgão-alvo), asma grave (com internação recente ou fazendo uso de corticoide), pneumopatias crônicas graves, insuficiência cardíaca, cardiopatia hipertensiva, hipertensão pulmonar, síndromes coronarianas, miocardiopatias e pericardiopatias, doenças da aorta, grandes vasos e fístulas arteriovenosas, arritmias cardíacas, cardiopatia congênita, próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados, doença renal crônica, doença cerebrovascular, imunossuprimidos (transplantados; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas em uso de corticoides; pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas), anemia falciforme, talassemia maior, hemoglobinopatias graves, obesidade mórbida, e cirrose hepática.

 

Domingo

No domingo (30) será aplicada a segunda dose da vacina contra a Covid-19 com a vacina AstraZeneca para idosos com mais de 80 anos de idade, que receberam a primeira dose do imunizante há 90 dias, em Campina Grande.

As vacinas são aplicadas em duas ações de drive-thru, no Clube Campestre e no ginásio O Meninão, e em uma ação para pedestres, na Pirâmide do Parque do Povo, também das 8h ao meio-dia.

Fonte: G1